Login to your account

Username *
Password *
Remember Me

Create an account

Fields marked with an asterisk (*) are required.
Name *
Username *
Password *
Verify password *
Email *
Verify email *
Captcha *
Reload Captcha

Brejo Santo receberá no domingo 28 de abril de 2019, ciclistas de várias cidades da região. O evento vem se consolidando na Região como um dos maiores e mais organizados da categoria.

De acordo com a organização do Eco Pedal BS, o objetivo do encontro esportivo é incentivar a prática do ciclismo como uma atividade saudável que proporciona bem-estar e um novo estilo de vida.

Programação
O evento começa ainda no sábado, dia 27 de Abril de 2019, para a distribuição dos Kits à todos os participantes, e será na “Pracinha da Aldeota” , no Bar Bate Papo, começando pontualmente as 18h00m. Quem quiser dar aquela esticadinha e curtir a noite na cidade de Brejo Santo.

No dia 28 de Abril de 2019, a concentração do evento começará as 06hr no Ginásio Poliesportivo José Wellington Landim, onde os kits de participação também serão entregues para aqueles que não puderam pegar no dia anterior, logo após será servido um super café da manhã, a partir das 06hrs (Pães, queijos, bolos, caldo de carne, café, sucos e frutas) e terá uma lojinha de produtos de bicicleta, para quem quiser comprar algo que não tem ou esqueceu em casa.

O café da manhã tem previsão para a duração de 1 hora e meia. Portanto chegue cedo para não se atrasar!

O Kit
O Kit lhe dará direito a: camisa manga curta, Café da manhã, Almoço, pulseira, troféu, paçoquinha e é claro: sorteio de brindes.

Trajeto
O percurso será de 50 km ao todo (será todo sinalizado). A organização promete emoção ao longo do percurso, visto que o nível exigido será intermediário. O percurso contará com quatro paradas (hidratação e apoio). Nos pontos de hidratação, teremos: 1º ponto (água e gelo), 2º ponto (água, gelo e frutas), 3º ponto (água, gelo, frutas e caldo) e no 4º ponto (água, gelo, frutas, picolé e outras surpresas).

Chegada
A recepção dos ciclistas será no Ginásio Poliesportivo José Wellington Landim.
O almoço será servido no local, mediante as pulseiras de identificação.
Brindes? Claro, e a organização promete uma imensa variedade no sorteio, para fecharmos com chave de ouro este belo evento.

Na noite que antecede o aniversário de 175 anos de Padre Cícero, romeiros se reuniram no Largo do Socorro, neste sábado (23), em frente à igreja onde o corpo do Padroeiro está enterrado, para cantar os parabéns de Padre Cícero Romão Batista, ou simplesmente "Padim Ciço", como é carinhosamente chamado pelos religiosos.

Além do tradicional bolo gigante de 100 metros de comprimento, fiéis de várias regiões do estado capricham na criatividade e levam para a festa os seus bolos decorados para apresentar no concurso realizado sempre na noite do dia 23 de março.

Oito chefes de cozinha participam do júri que decide qual é bolo mais bonito da noite. O vencedor recebe uma premiação da prefeitura do município.

Para Júnior Feitosa, secretário de Turismo e Romarias de Juazeiro, a festa é uma oportunidade para os romeiros demonstrarem sua fé no 'Padim'. "As pessoas vêm de todas as regiões do Ceará e do Nordeste trazer a sua homenagem das mais variadas formas e enriquecer esta festa", disse.

Uma dessas pessoas, foi o pernambucano João José dos Santos, que trouxe um bolo em cima de uma miniatura de pau-de-arara, carro usado para o transporte de romeiros. Ele lembra que há 30 anos chegou na cidade em um caminhão pau de arara e por isso resolveu fazer a homenagem. "A tradição dos romeiros sempre foi vir para Juazeiro em cima desses caminhões, eu quis mostrar que isso não acabou", comenta.

Dona Ana Alencar faz aniversário neste domingo (24), ela comemora o fato de ter nascido no mesmo dia do Padre Cícero. "Eu vim ano passado e vi as pessoas trazendo o bolo e amei, então neste ano trouxe o meu e as velinhas para meia noite comemorar junto com ele esse dia", se alegra.

Já Dona Neta Alves trouxe o bolo decorado para homenagear Padre Cícero como forma de agradecimento por uma graça alcançada para sua irmã que estava desempregada. "Eu fiz uma promessa para que minha irmã Ilma conseguisse trabalho, e dois meses depois da festa do ano passado ela estava trabalhando, graças à nossa fé", comemora.

Fonte: G1

Em pelo menos seis municípios cearenses choveu mais de 100 milímetros, até as 10h05 deste domingo (24), conforme a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme). As maiores precipitações ocorreram em Lavras da Mangabeira, Ibiapina, Solonópole, Farias Brito, Cedro, Coreaú e Abaiara. No total, 97 municípios registraram chuvas.

O volume observado dos municípios é referente ao período das 7h de sábado (23) às 7h deste domingo (24).

Confira lista dos índices por posto de coleta até as 8h55
Lavras Da Mangabeira (Posto: Lavras Da Mangabeira): 148,6 mm

  1. Ibiapina (Posto: Ibiapina) : 126 mm
  2. Solonópole (Posto: Açude Tigre): 122 mm
  3. Farias Brito (Posto Cariutaba): 121 mm
  4. Cedro (Posto: Ematerce): 115,3 mm
  5. Lavras Da Mangabeira (Posto: Iborepi): 109.0 mm
  6. Coreaú (Posto: Sitio Urubu): 108 mm
  7. Abaiara (Posto: Abaiara): 105 mm
  8. Lavras Da Mangabeira (Posto: Mangabeira): 100 mm
  9. Lavras Da Mangabeira (Posto: Amaniutuba): 97 mm

Previsão de chuva

A Funceme prevê para este domingo nebulosidade variável com eventos de chuva na faixa litorânea, na Serra da Ibiapaba, no Sertão Central e Inhamuns e no Maciço de Baturité. Nas demais regiões, chuvas isoladas.

Fonte: G1

Mesmo com a atuação de 330 homens e vinte viaturas da Força Nacional de Segurança, o Ceará viveu no domingo mais um dia de tensão e violência, com o registro de 23 ataques criminosos, que começaram já durante a madrugada, com a morte de dois suspeitos de participação em ataques durante troca de tiros com a Polícia Militar.

No confronto, um PM ficou ferido na mão. De acordo com a polícia, o caso aconteceu após os suspeitos tentarem atear fogo em um posto de atendimento do Detran.

Estimativa do Ministério da Justiça aponta, no entanto, uma redução no número de casos após a atuação da força federal – de acordo com a pasta, foram 38 casos no sábado 5. Segundo a Secretaria de Segurança Pública do estado, 110 pessoas – 76 adultos e 34 adolescentes – já foram presas por envolvimento nos mais de 100 ataques já registrados desde quarta 2.

Transferência
Nesta segunda-feira, 7, o Ceará iniciou a transferência de detentos ligados a facções criminosas que atuam no estado, como o Comando Vermelho (CV) e o Guardiães do Estado (GDE), para penitenciárias federais. Um preso já foi transferido e outros dezenove devem ser encaminhados nas próximas horas. Ao lodo, o ministro da Justiça, Sergio Moro, disponibilizou sessenta vagas para presos do Ceará nas unidades federais.

A Força Nacional se somou à Polícia Militar do Ceará após um pedido do governador do Ceará, Camilo Santana (PT), a Moro. A partir desta semana, outros cem policiais, oriundos da Bahia, serão enviados pelo governador Rui Costa (PT). Os PMs baianos devem ficar no estado até o dia 20 de janeiro.

Presídios
Segundo investigações, a origem dos ataques criminosos estaria ligada ao discurso do titular da recém-criada Secretaria da Administração Penitenciária, Luis Mauro Albuquerque. O secretário afirmou não reconhecer o poder das facções rivais em unidades prisionais distintas e que não iria mais separá-los de acordo com a facção.

Até o fim de 2018, membros do Primeiro Comando da Capital (PCC) estavam na Casa de Privação Provisória de Liberdade 3 (CPPL 3). Integrantes da Guardiões do Estado (GDE), aliados do PCC no Ceará, eram levados à CPPL 2. Já criminosos ligados ao Comando Vermelho, às CPPLs 1 e 4. Presos sem ligação com quaisquer facções estão espalhados pelas unidades.

Insatisfeitos, os detentos teriam ordenado os ataques. Até domingo, o Ceará contabilizava mais de 100 ataques criminosos a mais de vinte municípios. Ônibus, agências bancárias, delegacias, equipamentos públicos, veículos particulares, postos de combustíveis e supermercados foram atingidos.

Diante desse cenário, a Secretaria de Administração Penitenciária fez uma operação pente-fino nas cadeias do estado. Ao todo, 407 celulares e centenas de televisores foram retirados das unidades prisionais. Além disso, as unidades CPPL 1 e 3, localizadas em Itaitinga, na Região Metropolitana de Fortaleza, tiveram visitas de familiares suspensas. A medida, segundo a pasta, tem relação com a indisciplina dos detentos.

Combate ao crime
O governador Camilo Santana avisou que vai endurecer no combate ao crime e à violência que se agravaram nos últimos dias no estado. “O momento é, mais do que nunca, de união de todas as forças. Governos, Poder Legislativo, Justiça, Ministério Público, OAB e de toda a sociedade civil”, afirmou o governador em mensagem à população. “Serei duro contra o crime”, finalizou.

“Por minha determinação, todas as forças de segurança do Ceará [Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, agentes penitenciários e Pefoce] estão em regime permanente de plantão para coibir essas ações, prender os bandidos e proteger a nossa população”, afirmou o governador.

Apenas do Ceará, serão 29.000 profissionais destinados ao trabalho, de acordo com Camilo Santana. De acordo com ele, o foco é o combate ao combate ao crime organizado, fora e dentro de unidades prisionais. Para o governador, os criminosos têm um objetivo específico: pressionar o estado a recuar nas medidas adotadas. “Não há nenhuma possibilidade de acontecer. Pelo contrário: endureceremos cada vez mais contra o crime.”

O governador reiterou que haverá uma secretaria especialmente para a atuação nos presídios. Houve o reforço no sistema de segurança com a contratação de quase 10.000 profissionais nos últimos quatro anos e mais 600 foram convocados para atuação imediata. Também foram comprados equipamentos, mais de 2.100 viaturas e ampliado o esquema de tecnologia e inteligência.

Camilo Santana disse que conversa de forma permanente com os ministros da Justiça e Segurança, Sérgio Moro, e Defesa, general Fernando Azevedo, para ações conjuntas. “É papel de todos proteger a população, deixando de lado vaidades e interesses pessoais ou partidários”, destacou. “O bem-estar da população do Ceará sempre estará em primeiro lugar e lutarei com todas as minhas forças por isso.”

Fonte: Veja

Página 1 de 4